Domingo, 7 de Outubro de 2007
Malvino Salvador recuperou as mais remotas lembranças da infância assim que foi chamado para fazer o boxeador Régis, de Sete Pecados. Quando foi questionado, aos cinco anos de idade, sobre o que iria ser quando crescer, o manauara nem pestanejou: "Vou ser boxeador", lembra, com um sorriso solto.
Após 26 anos, Malvino não só interpreta um pugilista, como também estreia em novelas contemporâneas. Depois de actuar em três consecutivas tramas de época - Cabocla, Alma Gêmea e O Profeta -, o actor chega a se entusiasmar como uma criança quando traça o perfil de seu lutador hedonista, um malandro boa-praça.
"O Régis é a ovelha negra da família. É meio machista e não tem romantismos, mas é gente boa", defende, apertando os olhos.
Na trama de Walcyr Carrasco, Malvino interpreta o irmão do irrepreensível Dante, de Reynaldo Gianecchini, além de namorar há cinco anos a deslumbrada Elvira, vivida por Nívea Stelmann. Após tantos anos de namoro e a promessa de casamento, a noiva vive questionando Régis sobre a data do casório. Mas o pugilista sempre escapou das investidas de Elvira como quem se esgueira de um cruzado.
"As saídas dele são muito engraçadas e ela cai em todas. Mas, quando ele se toca de que pode perder a noiva, volta rastejando: 'Vem cá meu amor! Vem aqui...'", diverte-se, evidenciando o tom machista do personagem.
Por ser honesto, mas com atitudes de um típico malandro, Malvino acredita que o único "pecado" de Régis realmente é a luxúria, motivo pelo qual retarda vestir um fraque e subir no altar. Isso sem falar que o personagem vive na maior pindaíba como boxeador.
"Ele ainda quer sair sozinho na noite, dar uma paquerada e exercitar o jogo da sedução", protege o actor, que assume não ter se empenhado num aprofundado trabalho de composição para Régis por ele ser muito próximo de seu universo, diferentemente de seus personagens anteriores na tevê.
Na época em que Malvino interpretou seu primeiro papel cômico, o cozinheiro Vitório, de Alma Gêmea, o actor chegou a assistir a obra completa de Charles Chaplin e assegura que estudou a fundo a comédia na dramaturgia.
"Dessa vez não fui atrás de nada. Como ele é um tipo contemporâneo, apenas lembrei de amigos lutadores. Também sempre fui fã do Muhammed Ali. Me baseio no carisma dele, um falastrão e exímio sedutor no ringue", elogia, citando o maior pugilista de todos os tempos.
Independentemente de composições, Malvino teve de lutar para chegar no tipo físico ideal para o personagem. O actor, que já havia praticado judô e jiu-jítsu, foi fazer aulas de boxe para aprender os golpes do esporte. No entanto, Malvino garante que só "encontrou" mesmo o personagem quando teve de cortar os cabelos bem curtos e se despir dos figurinos de época.
"Tenho uma vantagem para um actor: uma cara comum. Basta colocar um bigode ou deixar o cabelo crescer que ninguém sabe quem eu sou. Tanto que na festa de estréia da novela ninguém me reconheceu", comemora.
Esse lado camaleônico foi bastante explorado no início de sua carreira, assim que Malvino se mudou de Manaus para São Paulo para trabalhar como modelo. Com o cachê que arrecadava nos trabalhos de moda, o aprendiz de actor freqüentava aulas de teatro. Foi assim que cursou a Escola de actores Wolf Maya, na capital paulista.
"Foi bom porque não entrei cru na tevê para fazer 'Cabocla'. Já sabia me posicionar para a câmara, como olhar. Meu processo de composição vem muito da intuição, de como o personagem anda ou se comunica", explica o actor, que recentemente foi assediado pela Record, mas preferiu permanecer na Globo, onde tem contrato até 2010. "Eles oferecem uma grana boa, mas estou bem na Globo", desconversa.
Síndrome de Apolo
Malvino Salvador teve uma trajetória atlética. Depois de nadar dos seis aos 15 anos de idade, o actor continuava muito magrinho. "Se me amarrassem numa linha e passasse um vento, eu voava. Era magrelo de dar pena", brinca. Mas, aos 16 anos de idade, já preocupado com a aparência diante das meninas, o actor começou a malhar pesado. Tanto que, aos 20 anos, chegou a parecer um fisiculturista.
"Era até feio de tão grande. Trabalhava a hipertrofia carregando muito peso com poucas repetições", lembra. O excesso de músculos durou pouco. Malvino teve de perder muita massa muscular quando resolveu se mudar para São Paulo para trabalhar como modelo. "Tive de fazer o inverso e investir pesado no trabalho aeróbico, como corrida, para perder o corpão", explica.
Actualmente, com irretocáveis 76 kg distribuídos em 1,80m de altura, o actor garante que está satisfeito com o resultado, alcançado com duas aulas semanais de boxe e dois dias dedicados à musculação.
"Tenho de segurar minha onda no boxe porque cresço muito rápido e qualquer músculo a mais no vídeo parece que o sujeito é enorme. Fica feio", pondera. Por isso, o actor procura se controlar na alimentação - sempre balanceada, com vegetais, legumes e carnes magras - e não investir demais em exercícios com muito peso. "Minha intenção hoje é manter a saúde e permanecer assim", avisa, orgulhoso do peitoral definido.

Instantâneas
# Antes de deixar Manaus para trabalhar como modelo em São Paulo, aos 25 anos, Malvino trancou a faculdade de Ciências Contábeis no quarto ano.

# Um dos sonhos do actor é actuar numa trama de Manoel Carlos ambientada no Leblon.

# Malvino mal sabia fritar um ovo até fazer laboratório para interpretar o cozinheiro Vitório, em Alma Gêmea. O actor teve aulas de culinária com um cozinheiro chamado Seu Zé, que o inspirou para viver o personagem.



publicado por Tititi às 20:52 | link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

Últimas fotos da Mayana N...

Mayana Neiva na capa da M...

Atriz revelação: Mayana N...

Atriz revelação

Tititti estreia com boa a...

Tititi está a chegar!!

Novelas da tarde com boa ...

Gerson é pai de Fátima

Amanhã estreia Escrito na...

Revista Quem comemora 10 ...

comentários recentes
UMA TESUDAS IGUAL FEITO CUMU QUÉSSA DAI DOS FLÁVIA...
Essas mina, os ai de manueles das monti , como atr...
CA PRA NÓS, ESSA MANUELA DO MONTE, UMA DAS PIORES ...
SER DE UMAS BELAS MORENAS AI COMO ESSA MANUELA DE ...
TEU COMENTÁRIO TAR MUITOS FRAQUINHOS MEU AMIGUINHO...
MAS QUE MORENA DELICIOSA ESSA PRISCILA FANTIL MESM...
ESSA TESUDA MALUCA BELEZAS DA PRISCILA INFANTIL, T...
VONTADES QUEU TENHOS NESSA VIDAS BANDIDA!, SER DE ...
Esses ai os tesãozinho maneiro de morenas da manue...
Me marro uns monte nesse tesão divino des morenas ...
mais comentados
arquivos

Março 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

links
VISITAS
Actores eleitos


Música

Outros blogs para visitar
tags

a favorita

alessandra negrini

alexandre borges

alinne moraes

ana paula arósio

antónio fagundes

ary fontoura

beleza pura

belíssima

bruno gagliasso

caco ciocler

camila pitanga

camila rodrigues

caminho das índias

caras e bocas

carmo dalla vecchia

carnaval

carolina dieckmann

carolina ferraz

cauã reymond

christiane torloni

christine fernandes

ciranda de pedra

cláudia abreu

claudia jimenez

cláudia raia

cléo pires

cobras & lagartos

dalton vigh

daniel de oliveira

daniele suzuki

danielle winits

débora falabella

deborah secco

desejo proibido

duas caras

edson celulari

elizabeth savalla

eterna magia

fábio assunção

fernanda lima

fernanda machado

fernanda montenegro

fernanda paes leme

fernanda vasconcellos

flávia alessandra

gianecchini

giovanna antonelli

glória menezes

grazi massafera

gustavo leão

henri castelli

ísis valverde

josé mayer

juliana paes

kayky brito

lázaro ramos

letícia birkheuer

lília cabral

malu mader

malvino salvador

manoela do monte

marcello antony

marcelo novaes

marcos pasquim

mariana ximenes

marjorie estiano

max fercondini

miguel falabella

murilo benício

murilo rosa

nathalia dill

negócio da china

nívea stelmann

o profeta

páginas da vida

paola oliveira

paraíso

paraíso tropical

passione

patrícia pillar

paula burlamaqui

pé na jaca

priscila fantin

rafael almeida

reynaldo

rodrigo hilbert

rodrigo phavanello

sete pecados

sic

suzana vieira

taís araújo

tarcísio meira

thiago lacerda

thiago rodrigues

tititi

tony ramos

viver a vida

vivianne pasmanter

wagner moura

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds